Diário de Viagem: Milão

DIÁRIO DE VIAGEM


Day 1

16:00 Chegamos de trem na estação principal de Milão, que fica bem centralizada. O Hotel Michelangelo ficava do outro lado da rua, então só tivemos que atravessar com as malas e pronto. Depois de um banho de espuma de banheira, estávamos prontos para explorar Milão à noite. Por estarmos numa área bem central, não havia muita opção de restaurante como em Roma e outras cidades da Itália. Passamos por dois estabelecimentos que não nos interessaram até chegarmos ao terceiro, que acabou sendo nossa escolha para aquela noite. Adoramos o atendimento, a comida e o preço. À essa altura, já dava pra perceber que o tour por Milão seria ótimo! 

21:00 Depois do jantar, fiquei folheando a Vogue Itália antes de me deitar para dormir. Se tem uma coisa que eu adoro é comprar revistas fora. Você consegue sentir a vibe de um estilo de vida diferente do seu. Acho isso o máximo!


Day 2

10:00 Acordamos com a vista da cidade. Tomamos um café da manhã maravilhoso no hotel e depois andamos para o metrô em direção à Triennale di Milano, uma espécie de Bienal que eu queria muito visitar. Milão é uma cidade muito ligada ao Design, então eu já sabia que iria amar. No primeiro dia já estava pensando "um dia ainda venho morar aqui"!

14:00 Após o passeio pela Triennale, que ficava num bairro muito bonito e cheio de verde, entramos no Parco Sempione. Não estava sol nem muito frio, o tempo estava ideal para passear. O parque fica ao lado do Castelo Sforzesco e era na Idade Média, o bosque particular da família Visconti, onde os duques levavam os hóspedes para caçar. Naquela época a área verde era muito maior do que é hoje. O parque foi reformado e se tornou público com a restruturação do castelo no século 19, e hoje é um passeio imperdível!

De lá também é possível ver o Arco della Pace, o Arco do Triunfo milanês,  mandado construir por Napoleão para a entrada dele na cidade, a Torre Branca, onde você pode subir para ver Milão de cima e o Aquário Cívico que pode ser uma boa opção caso você esteja com crianças. O parque também conta com conexão WiFi, uma área de brinquedos para crianças e, além dos quiosques- barzinhos, tem também o Bar Bianco.

15:00 Saindo de lá e seguindo em frente, chega-se ao Centro. No caminho, há muitas ruas com comércios, cafés e restaurantes, tudo bem limpo e organizado. Fomos caminhando e nos deparamos com a Catedral de Duomo, um dos principais pontos turísticos de Milão, uma catedral gótica que também dá nome à praça. Não chegamos a entrar pois ela estava fechada no dia.

A catedral é imensa, com 157 m de comprimento e 109 m de largura. O interior tem uma altura que chega aos 45 metros, divididas por 40 pilares e começou a ser construída em 1386 com influência francesa e centro-europeia.

16:00 Ao lado da Catedral, fica a Galleria Vittorio Emanuele II, que é um dos comércios mais antigos do mundo, com lojas de grifes famosas e cafés e levou o nome do primeiro rei da Itália. Demos uma volta por lá e logo em seguida paramos para almoçar num café bem tradicional.

Do outro lado fica o museu do Palazzo Reale, onde estava acontecendo uma exposição de ninguém menos que Salvador Dali. Eu não podia perder esta, então entrei e fiquei cerca de 1h observando a exposição. Nem preciso dizer que eu saí exausta de lá, né? Afinal, foi um dia e tanto! Cheguei no hotel e apaguei!


Day 3

9:00 Após o café da manhã, saímos para conhecer o quarteirão da moda em Milão, que engloba a Via Monte Napoleana, a Sant'Andrea e Della Spiga. É só saltar na estação Montenapoleone do metrô para fazer esse passeio por lojas chiquérrimas!

12:00 Almoçamos e fomos visitar mais uma exposição, dessa vez de uma fotógrafa que eu conheci na internet e admiro muito, chamada Loretta Lux. A exposição foi dentro de uma casa com bastante verde, num local super interessante.

Do lado de fora, estava rolando uma outra exposição gratuita no meio da rua. Queria observar tudo, mas não tive muito tempo. Acabei correndo para conseguir passar no hotel e pegar as malas com destino à Suiça, no horário que havíamos marcado.

Com essa correria do último dia, não conseguimos visitar o Teatro Scala, mas no geral, Milão foi um ótimo destino e vimos bastante coisa em 3 dias! 

Vou deixar aqui o contato do hotel, que super indico para vocês:

HOTEL MICHELANGELO

Piazza Luigi di Savoia, 6 - 20124 Milan

Site: www.michelangelohotelmilan.com

Beijoca e até o próximo post!