Itacaré: a aconchegante pousada Vila do Dengo

Está planejando uma viagem para Itacaré, na Bahia, e não sabe onde se hospedar? Nesse post, compartilho com vocês minha experiência em uma resenha completa sobre minha estadia na Pousada Vila do Dengo, perfeita tanto para casais quanto para grupos maiores, e com ótima localização.

A pousada tem um nome que chama a atenção logo de cara. Inspirado no relato de Dona Naiá, baiana famosa da vila de Barra Grande, o nome Vila do Dengo tenta passar um clima de aconchego para que os hóspedes relaxem e curtam suas férias da forma mais confortável possível - e a experiência que tive foi exatamente essa!

Localização

A Vila do Dengo fica no Condomínio Conchas do Mar II entre a Pituba e a Praia da Concha, bem próximo da maioria das pousadas da região. A rua da Pituba, a menos de 5 minutos a pé da pousada, possui restaurantes com diversos tipos de comida, desde sanduíches a pratos de chef. Ali você também encontra agências de turismo, lojas e feirinhas de artesanato.

A pousada possui uma área verde de 2.000 m² e oferece instalações super aconchegantes, o que é perceptível desde o momento em que se entra na recepção. A construção é bem rústica, com bastante madeira, o que me fez sentir que estava mesmo na Bahia!

A decoração da pousada é super interessante, bastante colorida com alguns toques retrô. Há esculturas de baianas, mandalas típicas da região e elementos ligados ao surf, já que Itacaré é conhecido como um dos melhores picos de surf no Brasil! Você sabia disso?

Estrutura

Quartos

Quando você sai da recepção e entra no espaço em si, percebe claramente uma diferença entre a parte da frente e a parte de trás da pousada. É que ela foi expandida, ganhando novos quartos e piscinas. Os quartos da frente são mais rústicos, enquanto os de trás são mais modernos. Mas no geral, esse mix funciona e todas as suítes continuam oferecendo as mesmas facilidades.

São, ao todo, 42 apartamentos, com cama king size, ar condicionado, TVs de 32 a 42” led/lcd com sistema SKY, DVD e frigobar. Eles se dividem entre: suíte térrea, suíte superior e suíte família. Eu fiquei hospedada na suíte superior da parte nova, com varandinha e vista para as piscinas e para o bar. O quarto era bem limpinho, moderno e aconchegante, claro.

Área compartilhada

A área comum aos hóspedes da Vila do Dengo é bem grande: conta com várias piscinas, hidromassagem coberta e aquecida, hidromassagem descoberta, bar com sucos e drinks, sauna e restaurante aberto até às 20h (onde também é servido o café da manhã).

Dessa forma, acaba sendo um ótimo ambiente para passar um tempo em família aproveitando todas essas comodidades, ou fazer novos amigos, já que sua distribuição favorece essa socialização. Mas caso você queira ficar na sua, também há espaço para esse isolamento. Pousada boa é assim, bem democrática! ;)

Café da manhã

O café da manhã da Vila do Dengo é bem completo. Tem variedades de pães, frutas, bolos, sucos, cereais, café, leite, chás, biscoitos, geléias, ovos, entre outros. Isso é bom porque como a cidade oferece muitas atividades que gastam boas calorias como trilhas, rafting e surf, você pode (e deve) se alimentar bem antes de partir para o seu passeio.

A melhor parte de estar hospedada na Bahia é que a tapioca vem incluída no café da manhã. Na Pousada do Dengo não é diferente: já nas mesas você encontra um cardápio com opções de recheios doces e salgados tanto para as tapiocas quanto para os ovos e omeletes. Duas baianas vestidas com trajes típicos ficam disponíveis para te recepcionar, fazer os pedidos e retirar a mesa. Elas são super simpáticas e sorridentes. Você já começa o dia feliz!

IMG_1602.JPG

Bar

O bar é uma área bem legal para passar a manhã ou o finalzinho da tarde, quando você retorna daquele passeio cansativo. Ali você pode pedir diversos tipos de bebidas, deitar na espreguiçadeira ou mergulhar na piscina que fica em frente. Só não aconselho ler um livro pois a música normalmente é alta. Há outros espaços para isso mais próximos à recepção.

Como a suíte que fiquei hospedada era bem ali em frente, a música também chegava no quarto quando estava com a porta da varanda aberta, mas ao mesmo tempo era bom para ver como estava o movimento. Além disso, o bar só abre a partir das 11h, então não chega a acordar os hóspedes. Fique tranquilo!

Atividades

Perto da pousada, você encontra diversas praias para visitar a pé, além de lojinhas, bares e restaurantes, cultura e artesanato na rua principal. Indo mais longe, você encontra inúmeras atividades de lazer para todos os gostos, desde aulas de surf, a rafting, caminhadas por trilhas, cachoeiras, entre outros.

O pessoal da recepção da Vila do Dengo me ajudou muito com a escolha dos passeios. Primeiro, me mostraram um panorama geral da cidade e das atividades. Depois, chamaram um representante de uma empresa para ir conversar comigo na recepção, onde fechei dois pacotes: Rio das Conchas com Cachoeira do Cleandro no primeiro dia e Passeio pelas 4 praias rurais (Engenhoca, Havaizinho, Gamboa e Itacarezinho) no segundo dia.

Quando ir?

Fevereiro foi definitivamente uma ótima época para visitar Itacaré: o tempo estava bom (apesar de chuvas de verão curtinhas no final da tarde), havia bastante onda para os surfistas e ainda era alta temporada, com movimento e agito. Acredito que Janeiro seja mais cheio ainda, e assim mais difícil de fechar passeios e encontrar lugares livres. Mas de toda forma, a cidade é bem preparada para receber turistas.

Entre Março e Maio as chuvas começam a chegar com mais força, mas não costumam durar muito. Ou seja, se você for nessa época também vai pegar dias de muito sol, apesar de pegar chuva também! Rs! Como costuma fazer muito calor, às vezes essas chuvas caem até bem.

Junho a Agosto já se pode perceber o inverno, com temperaturas mais baixas, maior chance de chuva e o mar mais mexido. É bom evitar essa época, mas pode ser que você dê sorte e pegue uma semana de muito sol, quem sabe? Mas se eu fosse indicar uma época do ano para ir fora do verão, seria de Setembro a Novembro. Em Setembro é a época que as baleias chegam na costa, e isso atrai muitos turistas curiosos para vê-las. Já nos meses de Outubro e Novembro o tempo está mais firme, e são meses em que acontece o campeonato de surf, que também traz certo agito para a cidade. Fora que os preços não são tão caros quanto na alta temporada! ;)

Como chegar?

Indo de avião, o aeroporto mais próximo é o de Ilhéus, que fica a apenas 76km de distância. O aeroporto é bem pequeno e por isso só recebe vôos diretos de Belo Horizonte, Brasília, São Paulo, Campinas e Salvador (eu, por exemplo, fui do Rio com escala em Congonhas, SP). Chegando lá, você pode alugar um carro, pegar um transfer (deixe agendado antes de ir), ou até mesmo um ônibus da rodoviária de Ilhéus até Itacaré.

Em cerca de uma hora você chegará ao paraíso. Para ir direto até a Vila do Dengo, entre na rua que fica entre a Praia da Concha e a Pituba, todos por lá conhecem a região. Chegando nessa rua você vai avistar plaquinhas de diversas pousadas, então é só entrar na rua que indica a Vila do Dengo e seguir até o final. A pousada vai estar ali de frente para você! :)

 

 

Informações úteis

  • Na Vila do Dengo não são permitidos animais de estimação.
  • A recepção fica aberta 24h por dia.
  • A pousada oferece estacionamento grátis.
  • No geral, o wi-fi funciona bem em todas as áreas e é gratuito.
  • O taxi é um pouco caro em Itacaré. Considere fechar passeios ou alugar carro para se locomover para praias e locais mais distantes do Centro. Mas fique ligado pois em alta temporada é difícil achar vaga para estacionar.
  • A voltagem na Bahia é de 110V.
  • Média de uma diária na Vila do Dengo: R$300 (baixa temporada).

Endereço: Loteamento Conchas do Mar Quadra C, Itacaré/BA

Telefone: (73) 3251-3098

Site: www.viladodengo.com.br

E-mail: viladodengo@gmail.com

Clique aqui para fazer sua reserva pelo Booking e garanta descontos especiais!

Diga nos comentários se você já esteve em Itacaré e como foi sua experiência. Vou adorar saber um pouco mais!

Amanda.


- Leia também -